Itaquera em Notícias Publicidade 1200x90
27/02/2024 às 11h46min - Atualizada em 29/02/2024 às 00h13min

Lançamento de fotolivros em destaque na programação do 13º Festival de Fotografia de Tiradentes

Mais de 50 livros de fotografia serão apresentados nos dias 8 e 9 de março

Luciana Rodrigues d'Anunciação
Leo Lara - Foto em Pauta
Um dos mais aguardados momentos da programação do Festival de Fotografia de Tiradentes é o lançamento dos fotolivros. E nesta 13ª edição do evento, os fãs das artes visuais e o público em geral poderão conferir 52 livros de fotografia e conversar com seus autores.

Os lançamentos serão realizados nas noites de 8 e 9 de março, respectivamente sexta e sábado, na Vila Foto em Pauta – Rua Santíssima Trindade, 92, a partir das 19 horas. A relação completa das obras, com sinopse e imagens está disponível no site oficial do Festival - fotoempauta.com.br/festival2024/fotolivros/, onde os livros também podem ser adquiridos.

Povos originários, relações com as cidades e com a natureza, expressões culturais de diferentes povos e localidades e infância, estão entre os temas das publicações que serão lançadas nesta edição no 13º Festival de Fotografia de Tiradentes.

Exposições
Eugênio Sávio, idealizador e diretor artístico do Festival, afirma que esta edição do evento dá ênfase neste tipo de obra, pois “atualmente, a fotografia está crescendo muito nessa nova mídia de exposição que é fotolivro”.

O evento receberá ainda, na Vila Foto em Pauta, duas mostras totalmente dedicadas aos livros de fotografia. A exposição de fotolivros do Prêmio Internacional FELIFA 2023, com 18 livros de fotografia vencedores e finalistas da 4ª edição da premiação. E a Mostra de Fotolivros ZUM/IMS, que apresentará as obras selecionadas para a exposição da Convocatória de Fotolivros ZUM/IMS 2023.

Confira a relação dos livros de fotografia que serão lançados no 13º Festival de Fotografia de Tiradentes:
  • “Tramas”, do coletivo Nitro
  • “Outros Outros”, de Foto em Pauta
  • “O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã”, de Erick Peres
  • “Óris”, de Bárbara Lissa, Maria Vaz (Duo Paisagens Móveis)
  • “nici”, de João Müller Moura
  • “A noite trouxe a manhã”, de Mariana Tassinari
  • “Cerco Flutuante”, de Helena Giestas
  • “PIN-UPS”, de Daniela Petrucci
  • “Diário de Viagem”, de Alice Grou
  • “Kiriri”, de Ivonete Leite
  • “Hêmba”, Edgar Kanaykõ Xakriabá
  • “Batalha da Arte”, de Vinícius Toledo
  • “o quadrilátero”, de André Vilaron
  • “Lapso Colapso”, de Heloisa Ramalho
  • “E.M. [Em Mãos]”, de Natasha Barricelli
  • “Estudos Urbanos”, de Ron Dickman
  • “Olhar Oriente”, de Mário Matias
  • “Qual o tamanho da sua loucura?”, de Laure Gomes
  • “Canteiros”, de Daniela Schneider
  • “Assombrações”, de Antonio Mozeto
  • “Lá pelas Índias”, de Maíra Garcia Marques
  • “Mochila Vazia Coração Cheio”, de André Dusek
  • “Rota dos 88 Templos - caminhos de ascensão”, de Antonio Jr.
  • “Fronteiras visíveis”, de Juliana Monteiro e João Carrascoza
  • “Do lado de dentro - na festa popular brasileira”, de Andrea Goldschmidt
  • “Go Shopping!”, de Bernardo Dorf
  • “Yepé”, de Edu Simões
  • “O cheiro do gosto”, de Luisa Macedo
  • “Macaco Jacaré”, de Márcio Távora
  • “Jogo de Paciência”, de Ana Sabiá
  • “NICI”, de João Müller Moura
  • “Shadow over Shadow”, de Vitor Casemiro
  • “I know I exist because you imagine me”, de Gui Marcondes
  • “Chapada dos Veadeiros: povos dos Campos Gerais”, de André Dib
  • “Brasil Landscapes”, de Valdemir Cunha
  • “O Menino Me Dá a Mão”, de João Medeiros
  • “AlfaAgency Editions”, de AlfaAgency & Alfabetismo Visual
  • “Parei o Tempo e Pensei em Você”, de Lorena Dini
  • “Revista BULB - n.2”, de Bulb f/22
  • “Gabão”, de Míriam Ramalho
  • “matuto”, de Bruno Claro
  • “Home Street Home”, de Ana Paula Albé
  • “Coleção ‘Povos Originários’”, de Renato Soares
  • “Artistas Fotógrafas em Alagoas: territórios poéticos em expansão”, de "Karla Melani (organizadora e artista), Marcia Mello (curadora), Amanda Nascimento (artista e tradutora), Andréa Guido, Camila Cavalcante, Cristal Luz, Fernanda Rechenberg, Gabi Coêlho, Janayna Ávila, Jul Sousa, Luna Gavazza, Maíra Gamarra, Mik Moreira , Minne Santos, Renata Baracho e Flávia Correia (design gráfico)
  • “Entre Minas”, de Wilson da Costa
  • “Filhas do apocalipse”, de Serpyente Coletiva
  • “Memórias Submersas”, de Ana Avelar
  • “Miligramatura”, de Helen Fadul
  • “Menor de Quebrada”, de Rafael Felix
  • “Voltei porque te amo”, de Deriva Cartográfica
  • “A mãe monstra”, de Inaê e Malu Teodoro
  • “Roça”, de Eric Garault
  • “Olho Nu”, de Rogério Reis
  • “Jardín de invierno / Infancia”, de Maria de la Paz Gutierrez
  • “Semblantes do Mundo”, de Ricardo Barcellos
  • “Jornal de Fotografia”, editor Alberto Melo Viana

13º Festival de Fotografia de Tiradentes
O Festival de Fotografia de Tiradentes – Foto em Pauta chega à sua décima terceira edição entre os dias 6 e 10 de março de 2024, na cidade histórica mineira. A programação intensa, diversificada e gratuita contará com exposições, debates, palestras, projeções de fotografias, lançamentos de livros e atividades educativas. A programação completa está disponível no link http://fotoempauta.com.br/festival2024/.

O 13º Festival de Fotografia de Tiradentes é realizado com recursos da Lei Federal de Incentivo à Cultura, e com o patrocínio da CBMM, do Itaú e da Rede.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://itaqueraemnoticias.com.br/.