28/09/2021 às 13h26min - Atualizada em 28/09/2021 às 15h10min

Entenda os cuidados necessários para a prática de exercícios no calor

Algumas medidas devem ser tomadas para que prática de exercícios seja mais saudável em dias mais quentes

SALA DA NOTÍCIA Alice Bachiega
divulgação

Os dias ensolarados inspiram. O clima quente e os dias claros animam, tanto os adeptos a fazer exercícios, quanto os movidos pelo “projeto verão”. A busca por resultados nessa época aumenta, e, por isso, é importante pontuar que, ainda que entusiasmados, devemos ser cuidadosos com nossos corpos, principalmente em tempos mais quentes.

A boa notícia é que, sim, a prática de exercícios faz com que a queima de calorias seja maior, mas é exatamente a isso que devemos nos atentar. A temperatura de nossos corpos acompanha a temperatura climática, e esse movimento faz com que nosso organismo se esforce para mantê-los resfriados. O resultado é um aumento na produção de suor, que, nesse caso, é a forma natural de nosso corpo “colocar para fora” esse calor, decorrente da alta queima de calorias.

Como foi dito, é importante nos atentarmos a nossos limites. Apesar de animados, precisamos dobrar o consumo de água e ficar atentos a qualquer sinal de exaustão corporal. Além de consumir água com frequência maior do que em dias mais frios, ressaltamos a importância de que um profissional seja consultado, para garantir que estamos respeitando nossos corpos, sem causar nenhum dano à nossa saúde. Entre as opções possíveis, vale uma conversa sobre opções de suplementação e quais os melhores “aliados” dos exercícios no verão. O uso de suplementação proteica, como whey protein, algumas opções de isotônicos para reposição de sais e outros nutrientes perdidos pelo suor, entre outros “aliados”, podem ser indicados para tornar sua prática tão efetiva quanto saudável.
 

Além desses cuidados, frisamos novamente que devemos ouvir os sinais de nossos corpos. Por mais que a garantia de um bronzeado decorra de uma corrida a céu aberto, opte sempre por buscar locais arborizados e com sombra para eventuais pausas. Como foi dito, por nossos corpos estarem mais quentes, devemos tomar cuidado para que o exagero (ou a prática de forma/em local incorreto) não faça com que reações inesperadas alterem nosso rendimento; náuseas, tontura e, em alguns casos, até desmaios ocorrem por nosso corpo “superaquecer”, ou por estarmos exigindo mais que o recomendado. Por isso, novamente, frisamos a importância de contatar um educador físico, para guiar-nos na jornada de treinos e evitar que situações como essa ocorram.

Dito isto, agora que já conhecemos um pouco mais sobre os efeitos do calor climático sobre nossos corpos e quais as diferenças entre treino em dias amenos e em dias mais quentes, recomendamos a todos que, acima de tudo, busquem sempre opções para que a prática de exercícios seja saudável e, principalmente, respeitosa com nossos corpos! 


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://itaqueraemnoticias.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp