22/09/2021 às 16h28min - Atualizada em 22/09/2021 às 18h20min

Blue ultrapassa a marca de 300 alunos em seu curso de programação de TI

EdTech democratiza o acesso à educação qualificada formando uma ponte, entre as pessoas e o mercado de trabalho

SALA DA NOTÍCIA Caren
Daniela Lopes, CEO da Blue
A meta de formar mais de 12 mil alunos até 2026 está cada vez mais factível para a Blue, Edtech que atua como uma escola de Tecnologia da Informação com foco em programação, para impulsionar a carreira de programadores que possuem vontade e aptidão. Há menos de um ano no mercado, a startup superou as expectativas iniciais do negócio e já soma mais de 300 alunos inscritos.

Para Daniela Lopes, CEO da Blue, o sucesso é reflexo de uma nova tendência que vem ganhando força, e que deve crescer ainda mais nos próximos meses. “Mais do que nunca as empresas precisam contratar mão de obra rapidamente para se manterem competitivas e atualizadas, e os cursos técnicos são a melhor opção para formar, em pouco tempo, profissionais aptos para trabalhar e contribuir para gerar resultados de negócio”.

Voltado àqueles que querem se inserir no mercado de trabalho de TI, aperfeiçoar sua capacitação profissional, e até mesmo conseguir o primeiro emprego ou mudar de carreira, sem ter que investir nesse momento, o curso da Blue tem duração de 12 meses e utiliza uma metodologia ágil aplicada por professores e uma equipe educacional de alta performance. Ele é dividido nas disciplinas de Desenvolvimento de Software (back end, front end, full stack), e utiliza o modelo ISA, no qual o aluno só começa a pagar o equivalente a 17% do seu salário quando ingressar no mercado e estiver ganhando a partir de R$ 3 mil mensais.

Atualmente, a Edtech conta com 40 empresas parceiras para empregar seus alunos. “São companhias de vários setores, que têm demonstrado muito interesse pela capacitação de qualidade que estamos oferecendo. E, até o final do ano, pretendemos fechar ainda mais parcerias, para acelerar a geração de empregos para nossos alunos, contribuindo para minimizar o gap de profissionais que existe no mercado de TI”, diz Daniela.

A CEO reforça que seu propósito vai muito além do retorno financeiro. “Sabemos da importância de impulsionar a carreira das pessoas mudando a vida de quem estuda com a gente, por meio da educação. Nascemos com o objetivo de revelar talentos, formá-los e dar oportunidades, sempre com o compromisso de ajudar a construir um futuro melhor para todos”.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://itaqueraemnoticias.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp