21/09/2021 às 14h22min - Atualizada em 21/09/2021 às 17h50min

Novo personagem da cerveja Titobier acaba de chegar

Escolhida por meio de um concurso cultural, primeira mulher a integrar o Exército Brasileiro é homenageada pelos apreciadores da bebida

SALA DA NOTÍCIA Tatiana Ferrador
Depois de mais de uma centena de sugestões, a nova personagem da cerveja Titobier Bohemian Pilsner foi escolhida e atende pelo nome de Maria Quitéria, a primeira mulher a fazer parte do Exército Brasileiro. Assim, nasce a Titobier Quitéria Bohemian Pilsner.
Como explica um dos criadores da Titobier e hoje proprietário da cervejaria, Antonio Bicarato, a ideia com esse novo rótulo era homenagear uma personalidade feminina, brasileira, vivida até a década de 1920. “Era necessário que tivesse uma biografia cujo legado impactasse a história na sociedade como um todo ou em seu campo de atuação e que também servisse de exemplo e inspiração para a geração atual”, diz.

Baiana, Maria Quitéria de Jesus foi considerada a heroína da Independência e fingiu ser homem para poder entrar nas Forças Armadas, e juntou-se às tropas que lutavam contra os portugueses em 1822. Ela utilizou o nome de seu cunhado, ficando conhecida como soldado Medeiros, já que somente homens faziam parte do Exército. Semanas depois de entrar para o Exército, Maria Quitéria teve sua identidade revelada. No entanto, o major Silva e Castro não permitiu que ela saísse das tropas, já que era importante para a luta contra os portugueses por sua facilidade com o manejo de armas e sua disciplina em batalha.
A imagem do rótulo, desenvolvida pelo ilustrador convidado André Toral traz Maria Quitéria combatente ao invés das imagens costumeiras que a mostram na corte com uniforme de desfile. “Consultei a viajante Maria Grahan, única fonte primária que dá sua descrição física, que a descrevia com olhos de índia, feminina, e José Washt Rodrigues, para obter informações sobre seu uniforme de luta no recôncavo”, explica Bicarato.
Outras personalidades que ficaram entre as finalistas foram Machado de Assis, Chiquinha Gonzaga, Pagu, Chico da Matilde e Maria Quitéria de Jesus.
“Ficamos muito felizes com a seleção desses cinco nomes, com a votação pelo público, que acredito que tenha se dado por seu simbolismo, por sua valentia em pleno século XIX, por lutar em uma época em que as mulheres não tinham voz nenhuma em um ambiente puramente masculinizado”, pontua o executivo.
A tempo: os demais rótulos da Titobier também exaltam grandes personagens que moldaram nossos tempos, seja pelo campo da política, da economia, da filosofia, da literatura, das ciências, entre os quais se destacam a Marx Red IPA, a Trotsky Red Ale, a Ada Witbier e Ipa, a Goethe (malte Kolsch), a Thoreau (APA) e a Rosa (a Rosa Luxemburgo, uma Altbier).
A novidade Titobier Quitéria Bohemian Pilsner chega ao mercado a partir da segunda quinzena de outubro.

Sobre a Titobier: “Não é banda, mas é de garagem”. É sob este lema que a Titobier começou a elaborar suas receitas em 2012, numa garagem na Lapa, próxima à R. Tito, que acabaria por inspirar o nome da cervejaria. Atualmente consolidada na produção de cervejas especiais, possui 7 rótulos, dos quais 5 estão disponíveis e que podem ser encontrados em lojas como Grupo Pão de Açúcar, St. Marche e Eataly. São eles: Marx Red IPA, Trotsky Red Ale, Goethe Kölsch, Thoreau APA e Ada Wit IPA. A Titobier transita junto a públicos menos óbvios do mercado de cervejas especiais, criando conexões mais emotivas a partir da abordagem de temas levantados por cada um dos personagens de seus rótulos. (www.titobier.com.br)

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://itaqueraemnoticias.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp