20/09/2021 às 10h12min - Atualizada em 20/09/2021 às 11h10min

Genética CRV é contemplada durante Expointer 2021

Vaca Granja Cichelero 546 Finder (filha do touro Bouw Finder), com genética CRV venceu a categoria Vaca Jovem no concurso de vacas holandesas durante feira agropecuária

SALA DA NOTÍCIA Marcelo Dias Moreira
Itamar Aguiar
Na última edição da Expointer, que aconteceu entre os dias 04 e 12 de setembro, em Esteio (RS), a genética CRV foi a grande campeã da categoria vaca jovem. A vencedora foi a vaca Granja Cichelero 546 Finder (filha do touro Bouw Finder), que possui genética CRV. O animal pertence à Granja Cichelero, em Carlos Barbosa (RS), e produziu 69,99 quilos de leite no concurso promovido pela Associação dos Criadores de Gado Holandês do Rio Grande do Sul (Gadolando). Os proprietários Daniel e Evandro Cichelero, que também venceram a categoria Adulta, com a vaca Carlos Barbosa Cichelero 383 Jose, produzindo 83,68 quilos de leite, receberam o tradicional banho de leite na premiação.
Segundo Leonardo Maia, gerente de Produto Leite Europeu da CRV, o touro Bouw Finder, pai da campeã, é um animal muito completo, com muita longevidade e alto percentual de sólidos. “Tudo acontece a partir do momento que se faz uma escolha genética selecionada. O que gerou essa fêmea foi uma combinação de fatores. A Granja Cichelero trabalha com a última tecnologia da CRV, o Programa de Genoma, com identificação dos animais, seleção mais acurada das fêmeas, direcionamento para os melhores touros, criando uma geração futura adequada ao projeto da fazenda”, garante.
Com 100 anos de tradição leiteira, 372 animais e 170 produzindo leite, a Granja Cichelero investe em genética há cerca de 20 anos. O objetivo, segundo um dos proprietários, Daniel Cichelero, era um produto com mais sólidos e a longevidade dos animais. “Hoje 100% do rebanho têm melhoramento genético. Quando começamos, a produção era de 250 litros de leite e agora é de 100 mil litros”, explica.
Graças à produtividade e aos benefícios obtidos com o investimento em genética, a meta para o futuro é expandir a produção de leite e lançar novos produtos. “Temos 21 tipos de produtos, o primeiro foi o queijo colonial.”
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://itaqueraemnoticias.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp