14/09/2021 às 16h52min - Atualizada em 20/09/2021 às 09h22min

Consuelo de Paula faz show ao vivo ao som de cello e violão e promete repertório de emoções

SALA DA NOTÍCIA Eliane Verbena
https://verbenacomunicacao.blogspot.com/2021/09/em-show-ao-vivo-consuelo-de-paula-canta.html
Consuelo em click de f.cabral
O ano de 2021 trouxe muito trabalho, criação e boas novidades para Consuelo de Paula, a começar por Maria Bethânia lançando o single “Sete Trovas”, canção de Consuelo em parceria com Rubens Nogueira e Etel Frota. A artista seguiu fazendo shows online, criando suas obras e atuando com parceiros musicais. E, em outubro, ela chega com um show ao vivo, elaborado para celebrar a música que permeia toda a sua trajetória: Consuelo Maryákoré de Paula, diretamente do Estúdio 185 Apodi, que acontece no dia 16/10 (sábado), com exibição gratuita pelo seu canal no YouTube, às 21 horas.

Consuelo concebeu o espetáculo como um encontro de cordas - as cordas do seu violão com o cello de Adriana Holtz - no qual arranjos com violoncelo dão contornos eruditos às suas criações e interpretações inspiradas na cultura popular, e vice-versa, mostrando que não há fronteiras para a arte. Já pelo nome, sabemos que o show traz composições do CD Maryákoré (2019), mas o repertório vai bem além e, segundo a artista, promete surpreender e emocionar o público.

No roteiro tem: “Anabela” (Mario Gil e Paulo César Pinheiro), que Consuelo gravou em seu primeiro disco (Samba, Sereta e Baião); “Dia Branco” (Geraldo Azevedo e Renato Rocha), música que ela ouvia quando era universitária em Ouro Preto (MG); “Légua Tirana” (Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira), toada interpretada pela primeira vez por Consuelo; “São Sebastião Presente” (João Bá e João Arruda); e “Fica Comigo, Morena” (de Jessé Silva Santos - tema dos sambadores de Serra Preta, BA, recolhido por Renata Mattar).

O repertório visita também seu DVD Negra, com a música “Fitas” (parceria com Luiz Gonzaga de Paula), traz vários temas de congadeiros e moçambiqueiros de Minas Gerais (cultura que permeia toda sua obra) e reverencia o universo de Heitor Villa-Lobos em duas composições, celebrando a união do popular com o erudito, do rural com o urbano que bem representa a estética popular brasileira contemporânea de Consuelo de Paula. Do álbum Maryákoré ela interpreta “Ventoyá” (parceria com Déa Trancoso), “Arvoredo”, “Remando Contra a Maré” (parceria com Rafael Altério) e “Maryákoré”, entre outras. Consuelo de Paula ainda abre um portal no programa do show para mostrar duas canções inéditas, “Atiaru” e “Plumagem”, parcerias com Regina Machado, que farão parte do disco Pássaro Futuro, um projeto que será lançado em breve pelas artistas.

Projeto realizado pela Secretaria Municipal de Cultura da Cidade de São Paulo, Ministério do Turismo, Governo Federal, por meio da 1ª Edição do Prêmio Aldir Blanc de Apoio a Cultura da Cidade de São Paulo, Módulo I - Maria Alice Vergueiro/2020.

O CD Maryákoré - O título do CD - Maryákoré - pode ser entendido como uma nova assinatura de Consuelo de Paula: maryá (Maria é o primeiro nome de Consuelo), koré (flecha na língua paresi-haliti, família Aruak), oré (nós em tupi-guarani), yakoré (nome próprio africano). Além de assinar todas as composições, Consuelo é responsável pela direção, pelos arranjos e violões e por algumas percussões. É nítida no disco a harmonia entre Consuelo e sua música, sua poesia, sua expressão e a estética apresentada. Ao interpretar letras carregadas de imagens e sensações, ao dedilhar os ritmos que passam por Minas Gerais e pelos sons dos diversos “brasis”, notamos a artista imersa em sua história: vida e a arte integrada às canções. O violão, seu instrumento de composição, nesse trabalho revela-se também, de maneira ousada e criativa, como parte de seu corpo; e como koré provoca as composições ao mesmo tempo em que comanda e orienta os ritmos que dão originalidade à obra. Consuelo gravou o violão e a voz juntos, ao vivo no estúdio, transpondo para o disco a naturalidade e a energia original das canções. Um desafio que pode ser conferido nas faixas: ora o violão silencia as cordas para servir de tambor, ora se ausenta para deixar fluir a voz à capela; em outros momentos as cordas produzem somente um pizzicato para acompanhar o movimento da melodia; e, às vezes, soa como percussão e instrumento harmônico.

Consuelo de Paula - Com oito discos gravados, Consuelo de Paula é cantora, compositora, poeta, diretora artística e produtora musical. Possui músicas gravadas por Maria Bethânia (“Sete Trovas”, CD Encanteria, também lançada em single, em 2021) e Alaíde Costa (“Bem-me-quer”, CD Porcelana, com Gonzaga Leal). Apresentou-se no Gran Rex, em Buenos Aires, foi destaque na capa do Guia Brasilian Music (Japão), que elegeu os 100 melhores discos da música brasileira, e gravou o programa Ensaio, de Fernando Faro (TV Cultura). Consuelo participa dos discos Divas do Brasil (em Portugal, que reúne Elis Regina, Maria Bethânia, Céline Imbert e outras), Senhor Brasil (ao lado de Rolando Boldrin), Prata da Casa (Sesc SP) e Cachaça Fina (Spirit of Brazil). Assina o roteiro de Velho Chico - Uma Viagem Musical, de Elson Fernandes, no qual interpreta “O Ciúme” (Caetano Veloso), considerada a “gravação definitiva” pelo crítico Mauro Dias (Estadão). Entre os projetos que participou, destaque para: Projeto Pixinguinha (Funarte); Elas em Cena, com Cátia de França e Déa Trancoso; Canta Inezita (show e CD); e livro Retratos da Música Brasileira (Pierre Yves Refalo / 50 anos da TV Cultura e 14 anos do programa Sr. Brasil). Sua discografia teve início com a trilogia Samba, Seresta e Baião (1988), Tambor e Flor (2002) e Dança das Rosas (2004), da qual foi lançada a coletânea Patchworck, no Japão. Em 2011, lançou o DVD Negra, seguido pelos CDs: Casa (2012), O Tempo e O Branco (2015), Maryákoré (2019) e Beira de Folha (2020, em parceria com o violeiro João Arruda). Consuelo também lançou o livro A Poesia dos Descuidos, com cartões de arte de Lúcia Arrais Morales.

Show: Consuelo de Paula - em Consuelo Maryákoré de Paula
Data: 16 de outubro. Sábado, às 21h
Transmissão: YouTube / Consuelo de Paula - https://cutt.ly/consuelodepaula
Grátis. Livre. Duração: 60 minutos.
Facebook: @paginaconsuelodepaula | Instagram: @consuelodepaula

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://itaqueraemnoticias.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp