28/07/2022 às 16h04min - Atualizada em 28/07/2022 às 19h01min

O Dia do Agricultor, habilidades agrícolas e agricultura 4.0

Alexandre Francisco de Andrade (*)

SALA DA NOTÍCIA NQM
https://www.uninter.com
Divulgação

A data 28 de julho é um dia para todos reconhecerem o trabalho árduo e necessário do agricultor para alimentar e abastecer um mercado com forte crescimento econômico. A comemoração desse dia incentiva todos nós a agradecer aos agricultores que aram, semeiam, cultivam, alimentam e colhem para fornecer os produtos da terra e os materiais de que nosso país precisa para ter sucesso no desenvolvimento econômico.  

São profissionais de grande valor, que possuem raízes profundas e que nos lembram de um passado em que  agricultura era muito mais comum na vida cotidiana. Eles merecem o nosso respeito e reconhecimento. 

Sabemos que a contribuição e conhecimento dos agricultores para a economia do nosso país reflete no PIB do agronegócio que cresceu 8,36% em 2021 (Cepea-USP/CNA), mas todo esforço exige requisitos, desafios e benefícios.  

Com a dinâmica crescente do agronegócio, o agricultor precisa se capacitar e adquirir novas habilidades e competências, tais como: organização; habilidades em operações agrícolas, técnicas e mecânicas; comunicação interpessoal e aprendizado contínuo.  

Sendo um dos negócios mais lucrativos do mundo, hoje, o agronegócio associa tecnologia avançada, inovação e educação, preparando o agricultor para a grande tendência da agricultura 4.0. 

Com foco em ferramentas para agricultura de precisão e tecnologia agrícola, o agricultor está diante dos sistemas robóticos e da inteligência artificial. Esse olhar para uma fazenda mais lucrativa, eficiente, segura e ecológica transforma o dia a dia do profissional. Ele precisa ser criativo no uso mínimo da terra para produzir mais culturas, aumentar a produtividade e o rendimento.  

Na agricultura 4.0, com a internet das coisas (IoT) e o uso de dados, o novo agricultor vai poder gerar maior eficiência nos seus negócios e tomar melhores decisões diante dos desafios atuais. Viva a nova era que se inicia! 

(*) Alexandre Francisco de Andrade é mestre em Engenharia de Produção e coordenador na área do Agronegócio do Centro Universitário Internacional  UNINTER 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://itaqueraemnoticias.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp