27/07/2022 às 12h39min - Atualizada em 27/07/2022 às 14h31min

Celso Portioli comemora sucesso de tratamento capilar realizado com Dr João Carlos Pereira e Dr. João Pedro Pereira

O apresentador Celso Portiolli postou no seu Instagram que está realizando tratamentos capilares após apresentar uma queda importante dos seus cabelos no último ano

SALA DA NOTÍCIA ANDRESSA PEDROSO BREGALANTI
O apresentador Celso Portiolli postou no seu Instagram que está realizando tratamentos capilares após apresentar uma queda importante dos seus cabelos no último ano. O apresentador está realizando os tratamentos na clínica do Dr. João Carlos Pereira e do Dr. João Pedro Pereira, a mesma clínica na qual realizou seu transplante capilar.

Mas, por que os cabelos do apresentador caíram mesmo após o transplante capilar? Os especialistas Dr. João Carlos Pereira e do Dr. João Pedro Pereira explicam:

“Essa queda ocorreu por causa de um processo chamado eflúvio, subsequente dos procedimentos realizados por Celso para tratamento do câncer. O eflúvio é uma alteração no ciclo de vida dos fios de cabelo que leva a uma queda abrupta e em grande quantidade dos mesmos. No couro cabeludo normal, cada fio encontra-se em um momento diferente do ciclo de vida capilar, sendo que a grande maioria encontra-se na fase de crescimento, enquanto a minoria encontra-se em fase de queda. Naturalmente, na ausência de eflúvio ou outras alterações, perdemos 50-100 fios de cabelo por dia para que eles possam reiniciar a fase de crescimento.

No entanto, na presença de situações que demandam muita energia para orgãos mais nobres ou alterações em hormônios que regem o ciclo dos fios ou na falta de matéria prima para os fios crescerem, vários cabelos podem sincronizar em fase de queda. Esse processo chama-se eflúvio e funciona como um “outono” - quando as condições meteorológicas não são favoráveis, a árvore libera suas folhas para poder voltar a crescer mais forte quando as condições forem mais propícias. O mesmo ocorre com o nosso fio de cabelo, diante de situações como quimioterapia, infecções, processos inflamatórios, deficiência de vitaminas, alterações hormonais, troca de medicações, estresse psicológico (ansiedade e depressão), perda de peso, entre outras.

Nesses casos, há uma alteração no funcionamento normal do ciclo e as células da “raíz” do cabelo entendem que é melhor pararem de produzir o fio para economizarem energia para quando a situação normalizar. Então, há uma queda abrupta, simultânea e em grande quantidade dos fios de cabelo, a qual pode durar meses até normalizar.
Normalmente, esses pacientes procuram o dermatologista com a certeza que ficarão completamente carecas em poucos dias. No entanto, a boa notícia é que, como no outono, na grande maioria dos casos vai ocorrer uma recuperação completa de todos os fios que caíram, uma vez que o fator desencadeante for resolvido.

Dessa forma, nessas situações, o primeiro passo é procurar seu dermatologista para que ele exclua outras doenças que possam cursar com queda de cabelo e confirme o diagnóstico. O segundo passo consiste em solucionar o fator causal ou tentar diminuir o dano que ele causou com alguns tratamentos. O terceiro passo consiste em tentar abreviar o processo e acelerar a recuperação que pode ser longa. Nesses casos, existem medicações e procedimentos que estimulam o retorno dos fios à fase de crescimento e podem auxiliar em uma recuperação mais rápida. No caso do Celso Portiolli, a recuperação parece ter sido realmente rápida e impressionante, uma vez que o mesmo expressou toda sua satisfação com o resultado.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://itaqueraemnoticias.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp