26/07/2022 às 17h56min - Atualizada em 27/07/2022 às 00h00min

7 dicas para prevenir infestação de cupins

Especialista da Rentokil mostra formas para evitar a praga urbana em residências

SALA DA NOTÍCIA Juliana Tancler
Madeiras ocas ou pisos de madeiras irregulares em sua residência; farelo semelhante a serragem próximos a rodapés, batentes de portas ou até dentro de armários e mobílias. Se você perceber algumas dessas ocorrências em sua casa é provável que os cupins estejam trabalhando arduamente, na surdina, podendo causar um prejuízo muito grande a seu patrimônio.
 
Quase todas as regiões do Brasil estão sujeitas a presença de cupins. Esta praga urbana geralmente se desloca por baixo da terra para chegar até as casas, entrando por meio de rachaduras no concreto. Eles podem permanecer em uma propriedade durante muitos anos e passarem despercebidos, se não houver nenhum tratamento específico para encerrar essa atividade.
 
Segundo Carlos Peçanha, biólogo e diretor da Ecovec, empresa do grupo Rentokil, encontrar sinais de infestação de cupins não é fácil, pois eles preferem um ambiente escuro, úmido e protegido. “É muito importante realizar inspeções regulares em busca de cupins. Por isso, é necessário contar com o auxílio de um profissional capacitado que possa identificar e conter a praga rapidamente para reestabelecer a sensação de conforto e segurança”, afirma.
 
Peçanha listou algumas dicas que podem ajudar no combate e prevenção de cupins:
 
Remova madeiras armazenadas
Madeiras e materiais compostos por celulose que estejam armazenadas e sem uso, devem ser removidos, pois podem se tornar em uma fonte de alimento e em um local de permanência atraente para os cupins.
 
Repare torneiras e canos
Torneiras ou canos com fungos de água vão fazer com que os níveis de umidade do local onde se encontram aumentem, o que atrai os cupins.
 
Desbloqueie sistemas de ventilação
Confira se os sistemas de ventilação da sua casa não tenham nenhum problema ou se não estão bloqueados, já que ajudam a manter os níveis de umidade baixos, o que é essencial para reduzir o risco da presença de cupins.
 
Utilize madeiras tratadas contra cupins
Não use madeiras que não sejam tratadas contra cupins, principalmente em jardim, canteiros, muros ou postes, pois estas podem se tornar uma fonte de alimento de fácil acesso para os cupins.
 
Use suportes de aço galvanizado em cercas
Se tiver cercas de madeira, deixe uma folga de 50 mm entre a madeira e o solo. Para isso, use suportes de aço galvanizado para elevar as cercas da superfície do solo. Caso contrário, os cupins poderão infestar as cercas sem que se aperceba.
 
Remova árvores mortas
As árvores mortas são um dos locais ideais para os cupins se acomodarem. Remova-as para reduzir o risco de uma infestação desta praga.
 
Confira se toda a madeira usada na construção foi removida
Após a construção da sua propriedade, cheque se toda madeira utilizada na estrutura foi removida, pois os cupins podem atacá-la e utilizá-la para obter acesso à sua casa.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://itaqueraemnoticias.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp