15/07/2022 às 16h23min - Atualizada em 16/07/2022 às 16h11min

E-commerce brasileiro cresce o número de vendas em 2021, diz pesquisa ME Envia 2022

Informação é do relatório anual produzido pelo Melhor Envio - plataforma de intermediação de fretes para quem vende online -, que traz um panorama detalhado sobre como foi o comércio eletrônico no último ano

SALA DA NOTÍCIA Melhor Envio

O Melhor Envio, plataforma de intermediação logística entre vendedores virtuais e as principais transportadoras do país, apresenta o ME Envia 2022, um relatório detalhado sobre como foi o comércio eletrônico brasileiro ao longo de 2021. De acordo com a pesquisa, no último ano, o e-commerce reforçou o crescimento apresentado em 2020 - quando as vendas digitais tiveram grande aumento em todo o mundo devido aos cuidados com a pandemia e o distanciamento social. A empresa intermediou mais de 17 milhões de encomendas, dobrando os números do ano anterior. 

 

Além das principais categorias e nichos de produtos vendidos na internet em 2021, o relatório traz informações essenciais para quem trabalha com logística e varejo online, como detalhes sobre as escolhas de serviços de frete, preços de envio, origens e destinos dos pedidos realizados pelos consumidores.

 

As preferências de produtos encomendados também foram avaliadas na pesquisa. Moda foi a categoria que ganhou mais destaque no ano, com 4,6 milhões de produtos intermediados pelo Melhor Envio, o equivalente a 21% de share de participação na empresa. A procura pelo setor triplicou em relação ao ano anterior. A categoria de Joias e Relógios também teve aumento. Em 2021, o setor foi responsável por mais de 2,4 milhões de intermediações de fretes, três vezes mais do que em 2020, quando realizou cerca de 700 mil nesse nicho de produtos. 

 

Nos dois casos é possível acompanhar o crescimento durante o primeiro trimestre do ano e uma estabilização nos meses seguintes. Os números voltam a subir e alcançam o pico em novembro, mês da Black Friday. Embora esses números apresentem uma queda em dezembro, as categorias mais movimentadas pelo Melhor Envio fecham o ano com resultados superiores aos do primeiro semestre. 

 

Na pesquisa, também é possível analisar que a localização geográfica pode influenciar nas categorias dos produtos enviados por origem e destino. Na maioria dos estados, Moda continua sendo o segmento mais enviado. Contudo, alguns lugares possuem resultados diferentes, como o Ceará, onde a maior parte dos envios realizados fazem parte do nicho de Esportes, enquanto Alagoas é dominada por produtos de Joias e Relógios. Em relação aos produtos recebidos por região, Moda é o segmento mais presente em todo o mapa. 

 

Não são apenas as grandes companhias que olham para o futuro digital. Durante a pandemia, a maioria dos lojistas de pequenas e médias empresas viram a internet como a única solução de lucro para seus negócios. Contudo, eles não possuíam as mesmas facilidades de uma plataforma de e-commerce ou um marketplace. Milhares de comerciantes, por exemplo, usam as redes sociais como principais canais de venda online. O Melhor Envio sabe o potencial desse público e trabalha para encontrar soluções de logística e gestão para inseri-lo no mercado. No último ano, as ferramentas da plataforma ajudaram milhares de PMEs a fazerem grandes negócios digitais. 

 

“Apesar da retomada do comércio físico em 2021, o e-commerce seguiu com uma forte presença no varejo brasileiro, confirmando as expectativas do mercado de que o público não vai deixar de lado a comodidade e a praticidade das compras virtuais", explica Éder Medeiros, fundador e CEO do Melhor Envio.

 

Todos os dados utilizados para o relatório foram fornecidos pela própria base de clientes do Melhor Envio e em conformidade com os Termos de Uso da Plataforma e a Lei Geral de Proteção de Dados.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://itaqueraemnoticias.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp